Carmenére

Original da região de Medoc em Bordeaux, esta usa foi dada como extinta na Europa na praga de filoxera no século XIX. Quando produtores Chilenos solicitaram um teste de DNA em 1994 para sua produção de Merlot, perceberam que tratava-se de Carmenére. Uma uva difícil de cultivar. Possui uma cor vermelha lilás e sabores de amora, couro e especiarias. Alguns peritos ainda confundem Carmenere com Merlot.

Veja aqui todos os vinhos com Carmenére no NOSSO VINHO.

Comments

Facebook Comments

Powered by Facebook Comments

Paulo Queiroz September 8th, 2009 1 comment Chile / Reportagem / Todos / Uvas
  1. Paulo

    O melhor Carmenere que já bebi é o Carmin Peumo da Concha y Toro

    September 13th, 2009 // Reply

Add your comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Se você procura um bom vinho, chegou ao blog certo. Aqui você viaja para a Toscana, Califórnia, Bordeaux, Borgonha e Douro, sem sair de casa.

Archives

Manifesto do Blog

NOSSO VINHO foi fundado em outubro de 2008. Este é um lugar de diversão e cultura sobre o mundo do vinho. Nada aqui é comercial. Não participamos de degustações com fins comerciais. Aqui você encontra os melhores vinhos na opinião de consumidores comuns.
Se quiser aprender um pouco sobre vinho, aqui você encontra reportagens sobre as principais regiões vinicultoras do mundo, com um carinho especial pela Toscana. Se você deseja montar sua Wine List, ou escolher um vinho para uma festa, um casamento, um aniversário, um jantar de natal, aqui é o lugar certo.
Por tratar de uma bebida alcóolica, esse blog dirige-se a maiores de 18 anos. Se beber não dirija.

Traffic

Hits

Pages |Hits |Unique

  • Last 24 hours: 5,194
  • Last 7 days: 33,083
  • Last 30 days: 149,418
  • Online now: 20

© 2013 NOSSO VINHO
Powered by WordPress, Endless & Sneek

Agradecimento especial a Denis Gustavo Alves dos Reis Santos.